7

Em uma de minhas respostas, fiz menção a uma prática sugerida em um livro de boas práticas de programação. O autor do livro Código Limpo sugere, como métrica de qualidade de um código, que se conte a quantidade de vezes que a equipe diz WTF a cada minuto de revisão do código. Caso alguém esteja curioso, isso pode ser visto na página XXV do original em inglês (uma amostra digital está disponível na Amazon). Ele também faz uso de outros termos igualmente expletivos durante o texto.

Percebo que quando são usados expletivos em sites de língua inglesa, inclusive no Stack Exchange (especialmente no Stack Overflow "matriz"), isso é encarado com a naturalidade de um linguajar do dia-a-dia. O próprio criador do Stack Overflow, Jeff Atwood, também foi editor de outro site que tem a expressão no próprio nome (The Daily WTF).

No entanto, ao fazer uma tradução literal do termo WTF (que porra é essa), incomodei alguém. Foi sugerida uma edição à resposta, trocando a expressão por que coisa é essa.

Surge então a pergunta: devemos evitar o uso de expletivos? Se sim, devemos evitá-los completamente?

Tenho uma opinião própria sobre o assunto (tais termos não me incomodam, enquanto não forem insultos dirigidos a alguém ou usados em discussões inflamadas). Porém, por ser novato neste site específico, e por me ser uma situação nova, recorro ao meta com esta pergunta.

P.S.: gostaria de lembrar que existem termos do jargão técnico de desenvolvimento de software que derivam do uso de expletivos. Um ambiente "caixa de areia" (do inglês sandbox), por exemplo, é chamado como tal por se tratar de um subsistema no qual você pode fazer [expletivo] a vontade.

13

Particularmente não vejo problema algum nisso. Somos todos adultos e encontramos isso a todo mundo em todo lugar. Se não é ofensa à alguém, não há problema.

Mas...

Tem pessoas que realmente não gostam. E segundo o Gabe, é possível ter menores aqui. Claro que isso é raro e também ser hipocrisia se alguém achar que uma pessoa de 14 anos não está exposto a todo tipo de expressão, mas ainda assim não podemos participar de corrupção de menores.

Esses dias tivemos a oportunidade de ver várias pessoas demonstrando em sites que a visão de mundo delas tem que ser a mesma para todo mundo. Vimos como várias pessoas que não precisam de um site para aprender mais sobre desenvolvimento de software em português têm certeza que ninguém mais precisa e acham que qualquer um que tente fazer isso está errado.

Não vou cometer o mesmo erro de dizer que porque você, eu e outras pessoas aceitarem isso numa boa, deva ser feito sem se preocupar com as pessoas que não gostam. Até porque dá para obter o mesmo resultado sem fazer o que incomoda alguns.

Não estou dizendo que está proibido colocar esse tipo de expressão, mas também acho que pode-se evitar sempre que não acrescentar nada ao que se está escrevendo.

Eu tenho até uma alternativa para esse caso.

A tradução de WTF não é que porra é essa. Dá para perceber claramente que não é. E não estou sugerindo usar QPÉE também. Sugiro traduzir como traduzimos textos. Você entende o que se está querendo dizer com aquilo e encontra outra forma de dizer a mesma coisa. E temos algo compreensível, pelo menos no Brasil, que diz a mesma coisa que WTF. É PQP. Tem exatamente o mesmo efeito, evita incômodos, e mesmo que alguém se incomode, tem-se o argumento que são apenas três letras e qualquer suposição que elas formam uma expressão ruim, está na cabeça de quem está pensando isso.

Mas também posso sugerir algo mais simples: deixa o WTF. Não precisamos traduzir tudo e não precisamos explicar tudo.

  • 7
    Eu concordo. Principalmente sobre a diferença entre palavrão explícito e implícito... Parece besteira, mas faz diferença. Ainda adiciono que na verdade não somos todos adultos, já que o mínimo de idade necessário é 13 anos. – Gabe 1/02/14 às 4:31
  • 1
    Concordo com o penúltimo parágrafo. O The Daily WTF passou muito tempo sendo chamado de Worse Than Failure, mostrando que a maldade está nos olhos de quem lê. Gostei também do último parágrafo. Para essa expressão, vou seguir essa filosofia. Obrigado :) – Renan 1/02/14 às 4:35
  • @Gabe bom ver você colocando sua posição, que vou tomar como oficial. Editei para inserir essa informação relevante. – Maniero 1/02/14 às 11:59
  • E quanto a palavrões explícitos, mas não pesados, do tipo foda: pt.stackoverflow.com/a/19460/4471? WTF não vejo problema mesmo, até porque, é uma sigla em língua estrangeira. – Andre Figueiredo 6/06/14 às 20:58
4

Eu não me incomodo, desde que não haja ofensa pessoal nem exagero. Mas sei que tem gente que se incomoda. Acho que neste momento vale a pena soltar um ou outro de vez em quando para sentir como a comunidade reage. O caso que você citou é um indício de que talvez o pessoal não goste muito, mas por enquanto é uma ocorrência isolada.

Você deve fazer log-in para responder a esta pergunta.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag .