19

Na pergunta Vamos medir os esforços da comunidade usando métricas específicas é questionado sobre quais são as métricas que a comunidade gostaria de ter para medir o progresso geral do site.

Aliado a isso, eu gostaria de saber:

  1. Quais são as métricas que a própria SE utiliza para analisar o progresso de um site na rede, em especial os sites internacionais?
  2. Como são levantados esses dados?
  3. Com qual periodicidade é feito a análise?
  4. Quem faz a análise?
  5. E, principalmente, o que fazem após a análise?

Os resultados levantados a partir desses relatórios ficam acessíveis à comunidade? Se sim, como?

English version

5

Muito obrigado a @hkotsubo pela tradução.


Não há um processo oficial para avaliar um site depois que este é graduado

Nós não medimos ativamente o progresso dos sites da rede Stack Exchange depois que eles entram em beta público. A viabilidade é avaliada na fase de proposta da Área 51, e também durante o beta privado, mas desde que os requisitos mínimos para manter um site aberto foram adotados, nunca houve uma indicação clara sobre o que a empresa quer que esses sites façam. Nós apenas abrimos os sites para as comunidades e não avaliamos ativamente o progresso de nenhum deles. Temos algumas métricas objetivas para determinar quando os sites deveriam ter certas características (por exemplo, ser graduado quando atinge X perguntas por dia), mas nada além disso.

Ao mesmo tempo, olhamos as estatísticas de um site sob demanda. Por exemplo:

  • Há uma ferramenta que cria uma amostra aleatória de postagens, para verificar a qualidade do conteúdo do site.
  • No Stack Overflow em Russo nós comemoramos alguns marcos como "tantas mil perguntas" ou "chegamos a X perguntas por dia".
  • Para entender como o site está se saindo, olhamos para perguntas por dia, porcentagem de perguntas respondidas e métricas relacionadas a quantidade de respostas por pergunta.

Há muitos outros casos em que olhamos para os dados, quando há a necessidade para tal.

Por que? A história da rede Stack Exchange

Aviso: a história a seguir é sob o meu ponto de vista, eu me juntei à empresa muitos anos depois dos eventos abaixo. Ao mesmo tempo espero que esta história deixe mais claros alguns pontos.

Stack Overflow em Inglês

O Stack Overflow em Inglês foi lançado com um objetivo claro:

É feito por programadores, para programadores, com o objetivo final de aumentar coletivamente a soma de todo conhecimento bom sobre programação no mundo.

É muito importante mencionar que, na época em que o site foi lançado:

  • Era necessário entrar em debates intermináveis em fóruns, listas de discussão e manuais, a fim de encontrar uma pista sobre como resolver um problema.
  • Experts-Exchange aparecia nos resultados de busca na maior parte do tempo. Se você não ouviu falar no Experts-Exchange, é um site no qual você precisava pagar para ter acesso às respostas. Na época o site tinha todo o conteúdo indexado pelo Google, mas quando uma pessoa chegava no site através de uma busca, o conteúdo ficava borrado e pedia que a pessoa pagasse por ele.

Como resultado, por trás da missão do Stack Overflow havia uma grande necessidade de uma fonte de informação sobre programação que fosse grátis e estruturada.

Como resultado, de forma bem aproximada, havia duas métricas para o Stack Overflow:

  • Interna: O quão bem a engine resolve o problema de estruturar e manter o conhecimento? Em outras palavras, qual a razão entre o sinal e o ruído no site?
  • Externa: Com que frequência o Stack Overflow aparece nos resultados de busca em vez do Experts-Exchange ...ou em nenhum dos resultados? Em outras palavras, qual a cobertura da base de conhecimento da comunidade?

A trilogia, Área 51 e a rede Stack Exchange

O Stack Overflow em Inglês era (é, e espero que continue sendo) uma comunidade próspera. Ela estava crescendo rápido, com novos tópicos surgindo. A comunidade decidiu separar as perguntas de programação de outras menos técnicas e mais voltadas à administração de sistemas. Surgiu então A Trilogia. Para que o "processo de divisão celular" ocorresse de forma suave, foi criado um site especial, a Área 51. Neste site as pessoas começaram a sugerir não apenas um outro pedaço do Stack Overflow para uma comunidade específica, mas também tópicos completamente novos e não-técnicos, como culinária e fotografia. Nascia a rede Stack Exchange.

O que isso significa?

Eu acho que a forma como o Stack Overflow em Inglês surgiu é bem diferente dos outros sites da rede. O Stack Overflow em Inglês foi a solução para um problema que existia na época - a falta de uma base de conhecimento de programação grátis e bem estruturada. É por isso que este é o único site que tinha (e tem) tanto métricas internas quanto externas, mesmo depois do lançamento público.

Stack Overflow em Português

Imagine um mundo onde uma pessoa falante de português, de qualquer idade ou classe social, tem acesso ilimitado a conhecimentos sobre programação. Um mundo onde qualquer desenvolvedor que fale portugês, sem exceções, possa contar com a ajuda de seus pares. Um mundo onde pessoas com diferentes qualificações, especializações e experiências possam complementar umas às outras. Este é o mundo que estamos construindo para nós e nossos colegas. Temos em nossas mãos uma grande ferramenta para organizar o conhecimento, uma grande missão e ótimas regras da comunidade. A pergunta é Qual o problema que os desenvolvedores que falam português querem resolver coletivamente com o Stack Overflow em Português? - apenas quando definirmos o problema a ser resolvido, teremos a resposta para cada item da sua pergunta.

A propósito, quais problemas você vê? Quais deles você gostaria de resolver? O que você acha?


Perguntas relacionadas:

Você deve fazer log-in para responder a esta pergunta.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag .